Notícias

Sábado é o Dia D da vacinação contra a gripe em Gramado

No próximo sábado (13), será o o Dia Nacional de Mobilização - Dia "D" - da Campanha de Vacinação contra a Gripe em Gramado. As salas de vacinas do Centro Municipal de Saúde (Postão) e da Estratégia de Saúde da Família (ESF) Várzea (Vila Olímpica), estarão abertas das 8h às 17h, sem fechar ao meio-dia, para a imunização do público-alvo. “Recomendamos que aqueles que integram o público a ser vacinado procure as unidades de saúde para se vacinarem o quanto antes, lembrando que a campanha se encerra no dia 26 de maio. A pessoa que não puder comparecer durante a semana no posto de saúde poderá aproveitar para se vacinar no sábado”, comenta o Secretário de Saúde, João Teixeira. Até o momento, foram vacinados 68% da população-alvo da campanha (que, no total, é de 14 mil pessoas), sendo que a meta estabelecida pelo Ministério da Saúde é de 90%. Segundo a Secretaria da Saúde, a procura tem sido baixa por gestantes, puérperas, crianças de 6 meses até 5 anos e portadores de doenças crônicas. “Visto que já foram confirmados dois óbitos no Rio Grande do Sul por Influenza em pacientes do grupo prioritário que não haviam se vacinado, recomendamos que estas pessoas procurem garantir sua proteção antes da chegada do inverno, período em que aumenta o número de casos de gripe no Estado”, comenta a enfermeira da Vigilância Epidemiológica, Mariela Dal Ri. Neste ano, a principal novidade da vacinação é a inclusão de professores das redes pública e privada no público-alvo. Além destes, fazem parte do grupo prioritário indígenas, crianças de seis meses até cinco anos, gestantes, puérperas (mulheres até 45 dias após o parto), idosos (60 anos ou mais), doentes crônicos, pessoas privadas de liberdade e funcionários de presídios. Dia D da Campanha de Vacinação contra a Gripe Quando: sábado, 13 de maio, em Gramado Onde: Postos de Saúde do Centro Municipal de Saúde (Postão) e da ESF Várzea (Vila Olímpica) Horário: 8h às 17h, sem fechar ao meio-dia Durante a semana - até o dia 26 de maio Postos de saúde e horários de atendimento: - Centro: 8h às 11h e 14h às 19h30min - Várzea Grande – 8h às 17h, sem fechar ao meio-dia - Caic e Pórtico - 8h às 11h e 14h às 17h - Jardim, Piratini, Floresta, Carniel – 8h às 11h e 14h às 16h PREVENÇÃO A transmissão dos vírus influenza acontece por meio do contato com secreções das vias respiratórias, eliminadas pela pessoa contaminada ao falar, tossir ou espirrar. Também ocorre por meio das mãos e objetos contaminados, quando entram em contato com mucosas (boca, olhos, nariz). À população em geral, o Ministério da Saúde orienta a adoção de cuidados simples como medida de prevenção para evitar a doença, como: lavar as mãos várias vezes ao dia; cobrir o nariz e a boca ao tossir e espirrar; evitar tocar o rosto; não compartilhar objetos de uso pessoal; além de evitar locais com aglomeração de pessoas. É importante lembrar que, mesmo pessoas vacinadas, ao apresentarem os sintomas da gripe - especialmente se são integrantes de grupos mais vulneráveis às complicações - devem procurar, imediatamente, o médico. Os sintomas da gripe são: febre, tosse ou dor na garganta, dor de cabeça, dor muscular e nas articulações. Já o agravamento pode ser identificado por falta de ar, febre por mais de três dias, piora de sintomas gastrointestinais, dor muscular intensa e prostração.

No próximo sábado (13), será o o Dia Nacional de Mobilização - Dia "D" - da Campanha de Vacinação contra a Gripe em Gramado. As salas de vacinas do Centro Municipal de Saúde (Postão) e da Estratégia de Saúde da Família (ESF) Várzea (Vila Olímpica), estarão abertas das 8h às 17h, sem fechar ao meio-dia, para a imunização do público-alvo.

“Recomendamos que aqueles que integram o público a ser vacinado procure as unidades de saúde para se vacinarem o quanto antes, lembrando que a campanha se encerra no dia 26 de maio. A pessoa que não puder comparecer durante a semana no posto de saúde poderá aproveitar para se vacinar no sábado”, comenta o Secretário de Saúde, João Teixeira.

Até o momento, foram vacinados 68% da população-alvo da campanha (que, no total, é de 14 mil pessoas), sendo que a meta estabelecida pelo Ministério da Saúde é de 90%. Segundo a Secretaria da Saúde, a procura tem sido baixa por gestantes, puérperas, crianças de 6 meses até 5 anos e portadores de doenças crônicas. “Visto que já foram confirmados dois óbitos no Rio Grande do Sul por Influenza em pacientes do grupo prioritário que não haviam se vacinado, recomendamos que estas pessoas procurem garantir sua proteção antes da chegada do inverno, período em que aumenta o número de casos de gripe no Estado”, comenta a enfermeira da Vigilância Epidemiológica, Mariela Dal Ri.

Neste ano, a principal novidade da vacinação é a inclusão de professores das redes pública e privada no público-alvo. Além destes, fazem parte do grupo prioritário indígenas, crianças de seis meses até cinco anos, gestantes, puérperas (mulheres até 45 dias após o parto), idosos (60 anos ou mais), doentes crônicos, pessoas privadas de liberdade e funcionários de presídios.

Dia D da Campanha de Vacinação contra a Gripe

Quando: sábado, 13 de maio, em Gramado

Onde: Postos de Saúde do Centro Municipal de Saúde (Postão) e da ESF Várzea (Vila Olímpica)

Horário: 8h às 17h, sem fechar ao meio-dia

Durante a semana - até o dia 26 de maio

Postos de saúde e horários de atendimento:
- Centro: 8h às 11h e 14h às 19h30min
- Várzea Grande – 8h às 17h, sem fechar ao meio-dia
- Caic e Pórtico - 8h às 11h e 14h às 17h
- Jardim, Piratini, Floresta, Carniel – 8h às 11h e 14h às 16h


PREVENÇÃO

A transmissão dos vírus influenza acontece por meio do contato com secreções das vias respiratórias, eliminadas pela pessoa contaminada ao falar, tossir ou espirrar. Também ocorre por meio das mãos e objetos contaminados, quando entram em contato com mucosas (boca, olhos, nariz). À população em geral, o Ministério da Saúde orienta a adoção de cuidados simples como medida de prevenção para evitar a doença, como: lavar as mãos várias vezes ao dia; cobrir o nariz e a boca ao tossir e espirrar; evitar tocar o rosto; não compartilhar objetos de uso pessoal; além de evitar locais com aglomeração de pessoas.


É importante lembrar que, mesmo pessoas vacinadas, ao apresentarem os sintomas da gripe - especialmente se são integrantes de grupos mais vulneráveis às complicações - devem procurar, imediatamente, o médico. Os sintomas da gripe são: febre, tosse ou dor na garganta, dor de cabeça, dor muscular e nas articulações. Já o agravamento pode ser identificado por falta de ar, febre por mais de três dias, piora de sintomas gastrointestinais, dor muscular intensa e prostração.

Link da fonte de notícia...


Tags: Nenhuma
0 comentário
Denunciar        

Leia também: